Imposto de renda 2023: confira o guia completo

Imposto De Renda 2023: Confira O Guia Completo - R.Monteiro

Fevereiro chegou e com ele um dos compromissos fiscais mais importantes do ano: a entrega da declaração de imposto de renda 2023

Neste artigo, vamos trazer um panorama completo para você se preparar, organizar a documentação necessária e não entrar no time dos atrasados e deixar para última hora a entrega da declaração do imposto de renda de pessoa física (IRPF). 

  1. O que é o imposto de renda?
  2. Imposto de renda 2023: quando a preparação precisa começar? 
  3. Quem precisa declarar imposto de renda 2023? 
  4. Quais as mudanças do imposto de renda 2023?
  5. Como otimizar a sua gestão financeira 

O que é o imposto de renda?

O imposto de renda é um mecanismo usado pelo governo federal para controlar as movimentações financeiras dos contribuintes ao longo do último ano.  É um meio de coibir ações criminosas, como a sonegação de impostos. 

O imposto de renda 2023, que é responsabilidade da Receita Federal, se caracteriza por ser uma taxa que o contribuinte deve pagar considerando seus ganhos no último ano. 

Você trocou de carro ou comprou uma casa nova? Esse tipo de informação é crucial para uma boa declaração de imposto de renda. 

Imposto de renda 2023: quando a preparação precisa começar? 

O imposto de renda 2023 começa no primeiro dia de 2022. Isso acontece porque, ao fazer o IRPF deste ano, vamos considerar tudo o que aconteceu ano passado.

Portanto, a preparação para organizar a sua declaração de imposto de renda não deve ser feita no ano-exercício, no nosso caso, em 2023. Ela começa em janeiro do ano anterior, o chamado ano-calendário. 

Vamos a um exemplo prático: se você passou por um processo de demissão em 2022 e recebeu os valores demissionais em janeiro de 2023, precisa que a empresa forneça um documento para completar toda a sua declaração. 

É essencial que você armazene comprovantes de pagamento de plano de saúde, compra de imóveis, de carros e  que, ao receber o seu informe de rendimentos, também o mantenha devidamente arquivado. 

Uma boa dica para não esquecer nenhuma informação é ter uma pasta física ou uma pasta online, em algum serviço de nuvem de arquivos, para armazenar toda a documentação necessária para fazer o seu imposto de renda. 

Quem precisa declarar imposto de renda 2023? 

As pessoas que precisam preencher a declaração do imposto de renda 2023 são aquelas que tiveram rendimentos de R$ 28.559,70 durante o ano ou que receberam R$ 40 mil em rendimentos isentos, não tributáveis ou tributados na fonte. 

Além disso, aquelas pessoas que tiveram rendimentos anuais com atividades rurais superiores a R$ 142.798,50 também precisam fazer o IRPF. 

Quem fez operações na bolsa de valores também precisa ficar atento para preencher a declaração de imposto de renda através do sistema da Receita Federal.

Pessoas que passaram a residir no Brasil são outro grupo que precisa fazer o imposto de renda. E, por fim, deve fazer declaração de imposto de renda 2023 quem teve posse ou propriedade de terras, sejam elas ocupadas ou não, no valor superior ao limite de R$ 300.000,00 até dia 31 de dezembro de 2022. 

Quais as mudanças do imposto de renda 2023?

Ainda que a tabela do imposto de renda esteja defasada, já que não é atualizada desde 2015, a reforma tributária prevista para 2022 não aconteceu. Por esse motivo, as alíquotas de imposto não mudaram. 

A questão é que com as alíquotas defasadas há uma maior arrecadação, uma vez que a falta de atualização acaba atingindo uma maior quantidade de contribuintes. 

Em muitos casos, esses contribuintes passam por reajustes de salários, portanto, é preciso prestar atenção se houve alguma mudança na necessidade da entrega.  Pode ser que quem não precisou entregar a declaração de imposto de renda ano passado, vai precisar fazer isso esse ano. 

De acordo com o Sindifisco, entidade sindical representativa dos Auditores-Fiscais da Receita Federal, a falta novas alíquotas podem resultar em uma defasagem acumulada de 134%. 

TABELA DO IMPOSTO DE RENDA MENSAL: 

Base de CálculoAlíquotaDedução
R$0,00 até R$1.903,98isentoR$ 0,00 
R$1.903,99 até R$2.826,65 7,50%R$ 142,80
R$2.826,66 até R$3.751,0515,00%R$ 354,80
R$3.751,06 até R$4.664,6822,50%R$ 636,13 
a partir de R$4.664,68 27,50%R$ 869,36
(Tabela com o cálculo do Imposto de Renda Mensal atualizada)

TABELA DO IMPOSTO DE RENDA ANUAL

Base de CálculoAlíquotaDedução
Rendimentos anuais até R$21.453,24isentoR$ 0,00 
R$21.453,24 a R$32.151,487,50%R$ 1.608,99
R$32.151,49 a R$ 42.869,1615,00%R$ 4.020,35
R$42.869,17 a R$ 53.565,7222,50%R$7235,54
Acima de R$53.565,7227,50%R$9.313,83
(Tabela com cálculo o do Imposto de Renda Anual atualizada)

Como otimizar a sua gestão financeira 

Agora que você compreendeu os principais pontos sobre a declaração do imposto de renda 2023, já sabe que é essencial ter uma boa gestão financeira. 

Para isso, a dica é ter acesso a conteúdo de qualidade, que possa ajudar você a entender mais sobre organização contábil, tirar todas as dúvidas sobre regimes tributários e ter dicas para gerenciamento financeiro. 

Acesse o site da RMonteiro e confira nosso blog. Temos muitos conteúdos para você entender o que é uma boa gestão de finanças e como otimizar o gerenciamento contábil do seu negócio. 

Classifique nosso post [type]

Deixe um comentário

Últimos posts:

Categorias
Arquivos
Recomendado só para você
O ano mal começou e já trouxe novidades para o…
Cresta Posts Box by CP