A declaração do Imposto de renda completa ou simplificada são as duas opções disponibilizadas pela Receita Federal. Entenda a diferença entre declaração imposto de renda 2019 completa ou simplificada e qual o melhor modelo para declarar.

Declaração Imposto de Renda Completa 

O modelo declaração imposto de renda completa é indicado para quem tem muitas despesas dedutíveis, principalmente se elas ultrapassam 20% da renda. Neste caso, o modelo ideal tende a ser o completo.

Neste modelo é necessário informar todas as fontes de renda recebidas e despesas dedutíveis, inclusive dos dependentes. Conheça as principais deduções legais:
Dependentes;

  • Gastos com educação;
  • Gastos com saúde;
  • Gastos com previdência Oficial e Privada;
  • Cota Patronal da Previdência Social de empregadas domésticas;
  • Doações fundos municipais, estaduais e nacionais;

As deduções devem respeitar requisitos e limitações legais. Apenas gastos com saúde não tem teto de dedução.

Declaração Imposto de Renda Simplificada

A declaração de imposto de renda simplificada é indicada para quem tem poucas despesas dedutíveis. A declaração será mais simples e por isso este modelo acaba sendo o ideal.

Mesmo a declaração simplificada deve envolver todas as fontes de renda, tanto do declarante como também dos seus dependentes. O sistema aplica o desconto padrão de 20 % para essa modalidade.

A Ficha de Bens e Direitos deve ser informada nas duas modalidades. Caso tenha dúvidas em qual é o melhor modelo o ideal será fazer a simulação pelo modelo completo informando todas as despesas possibilitando comparar com o resultado do modelo simplificado.

Agora que você entendeu a diferença entre declaração completa e simplificada do Imposto de Renda, o próximo passo é ficar de olho nas datas para não deixar o prazo encerrar.

A R.Monteiro também realiza a entrega de IRPF,  para maiores esclarecimentos sobre IRPF, contate-nos pelo e-mail contato@rmonteirocontabil.com.br.

Share This