• Alameda Terracota, 215 - Sala 1303
    Union Park Espaço Cerâmica - São Caetano do Sul, SP
  • +55 (11) 4223-9400
    +55 (11) 9 7061-6685
  • ÁREA DO CLIENTE
SPED e o Impacto na rotina das Empresas

SPED e o Impacto na rotina das Empresas

Você sabe o que é SPED?

A sigla significa Sistema Público de Escrituração Digital. É uma ferramenta tecnológica da Receita Federal que tem como objetivo, padronizar e agilizar a relação entre o Fisco e os contribuintes. Faz parte do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC 2007-2010) este tem por objetivo melhor controle da fiscalização, legitimidade e qualidade nas informações trocadas.

Ele veio para acompanhar a “era digital”, deixando apenas na lembrança aqueles livros imensos que eram emitidos ao final de cada ano.

Com prazos cada vez menores, as informações são enviadas quase em tempo real aos órgãos relacionados, o que exige que sua empresa se adapte às novas obrigações, seja investindo em tecnologia e ou mão de obra especializada, seu contador.

SPED’s já praticados:

  • SPED Fiscal: demonstra todas as operações relacionadas à apuração do IPI e ICMS, tendo alguns pontos de atenção como a omissão na emissão de notas fiscais, CFOP, CST e imposto por produto;
  • SPED Contribuições: é a escrituração digital das contribuições: PIS, Cofins e INSS Receita Bruta (Desoneração da Folha);
  • SPED Contábil: para empresas não optantes ao Simples Nacional, esta obrigação substituiu o Livro Diário impresso, tornando-se um arquivo assinado eletronicamente através do certificado digital dos Sócios;
  • SPED ECF: veio para substituir a DIPJ (Imposto de Renda da Pessoa Jurídica), também é um arquivo assinado eletronicamente pelo certificado digital da empresa.

 

SPED em andamento:

  • SPED E-Social: responsável por integrar as informações trabalhistas, previdenciárias, tributárias e fiscais relacionadas a folha de pagamento;
  • SPED REINF: vem para complementar o E-Social e conectar todos os SPED’s relacionados nesta matéria. Nele será informado os serviços prestados e tomados, retenções na fonte incidentes na pessoa física e jurídica, bem como empresas que se sujeitam a desoneração da folha. É bem expressivo o empenho dos últimos anos que a Receita Federal vem aplicando para diminuir fraudes e erros em todos os setores.

 

Sua empresa está pronta para todas essas mudanças?

Fique atento ao nosso Blog, estaremos promovendo um evento sobre o assunto.

 

Pâmela Silva é coordenadora contábil da R.Monteiro Assessoria Contábil, graduada em Ciências Contábeis pela Universidade do Grande ABC.

 

Image by Google.com

Contabilidade completa, regularizada e de confiança